Como não se frustrar com os “nãos” da vida profissional?



Quando estamos procurando uma nova oportunidade de trabalho, devemos nos emprenhar ao máximo, porém, isso não significa que seremos aceitos na primeira vaga que surgir, podendo receber muitos “nãos” antes de conseguir o tão esperado emprego.


Atualmente, não está muito fácil conseguir emprego no Brasil, o que tem feito com que muitos profissionais demorem a conseguir uma nova oportunidade profissional. Entretanto, não é porque você recebeu um ou mais “nãos” nas entrevistas de emprego que você deve se frustrar e desistir, pois trabalho está difícil para todos. Portanto, se conscientize que pode levar algum tempo até você conseguir uma nova recolocação profissional.

Todas as pessoas recebem muitos “nãos” desde crianças, quando recebemos a educação necessária para a vida, por isso, nenhum “não” deve ser levado para o lado negativo. O profissional jamais deve se frustrar quando não passa em uma entrevista de emprego, apesar disso ser muito comum, pelo sentimento de incapacidade e rejeição. Porém, se o trabalhador deixa a frustração tomar conta de si, poderá entrar em depressão, o que fará com que demore ainda mais a contratação para algum emprego.

Portanto, o ideal a se fazer é utilizar os “nãos” da vida como motivadores, encarando-os como oportunidade de se desenvolver profissionalmente e amadurecer na carreira. Para isso, o profissional não deve levar nenhuma rejeição de emprego para o lado pessoal, e, sim, analisar o mercado, os seus concorrentes e todas as formas que funcionam os processos seletivos, pedir feedback para poder melhorar e, principalmente, não desistir, persistindo nos seus objetivos até conseguir atingi-los.


COMPARTILHAR